Principais Funções da Pele


Ao olharmos mais detalhadamente para as características da pele, como as suas funções, os tipos e necessidades, estamos a aprofundar o nosso conhecimento da importância dos cuidados da pele.

Com uma superfície de cerca de 2 metros quadrados, a pele é o maior órgão do corpo e um dos mais importantes. É uma barreira eficaz contra o mundo exterior graças aos seus engenhosos mecanismos de proteção. A nossa pele está viva e responde às mudanças e estímulos externos.

Cuidar da pele desde cedo é um verdadeiro investimento que irá determinar o vosso aspeto no futuro. Para manter a pele bonita, saudável e abrandar o seu processo de envelhecimento, deve ser protegida e completada, de forma a cuidar do seu delicado equilíbrio.


As suas principais funções são:
Camadas da Pele

  • Proteção - A pele protege contra as agressões físicas, evaporações de água, luz, substâncias químicas, bactérias, etc;
  • Controle de calor - Fornece termo-regulação do organismo;
  • Isolamento - Fornece defesas imunológicas;
  • Percepção - A extensa rede de nervos serve tem como função a percepção do calor, frio, toque, dor e pressão. É um orgão sensorial, logo desempenhando um papel importante na socialização e comportamento;
  • Absorção - A pele tem uma capacidade limitada de aborção através dos poros. Felizmente, certas gorduras, cremes e óleos são capazes de penetrar na pele de forma a restaurar a flexibilidade perdida


A estrutura da pele


A estrutura da pele

Olhando a pele sobre o microscópio, podemos distinguir claramente três camadas distintas:


  • Epiderme
  • Derme
  • Hipoderme.



Epiderme


Epiderme - Estrutura da Pele
Na epiderme, encontramos a barreira do corpo que protege contra o meio ambiente. Além disso, é na epiderme que ocorre o processo de renovação das células.

A epiderme, por sua vez é composta por várias camadas, sendo uma delas denominada camada córnea que consiste em células planas. A nossa pele renova-se constantemente, com as células na superfície sendo substituídas por novas células.

Em condições normais perdemos cerca de uma grama de células mortas da pele todos os dias. Após um ano, perdemos aproximadamente 0,45 kg de pele e cerca de 27 kg durante toda a vida.


O percurso das células na pele


A partir das células basais, na camada mais baixa da epiderme, são formadas novas células da pele. De lá migram para a superfície. No caminho, elas sofrem muitas alterações.

Uma substância chamada queratina é inserida nas células, alterando o metabolismo e a forma das células, tornado-se planas, tipo placa. Este processo de duas a três semanas resulta na formação da camada córnea - uma fina mas extremamente resistente membrana que é a barreira que protege o corpo do meio ambiente.

A função desta camada da pele é a de proteger o tecido contra substâncias externas, microorganismos e outros efeitos nocivos, ao mesmo tempo proteger contra a perda de fluido.

Os cremes penetram na epiderme, hidratando e amaciando a pele.


Derme


Derme - Estrutura da Pele
A derme é a camada logo abaixo da epiderme.

Consiste em grande parte de tecido conjuntivo e é formada por colagénio e elastina. O colagénio firma a pele. A elastina torna a pele elástica e flexível. A composição do tecido conjuntivo confere à pele a sua elasticidade e resistência.

Na fronteira entre a epiderme e a derme encontrámos nervos finos que registam as sensações e alterações de toque, dor ou de temperatura.

Incorporado na derme, também estão presentes outras estruturas como pêlos, glândulas sebáceas, os vasos sanguíneos que não só fornecem os nutrientes e eliminam os resíduos como também desempenham um papel importante no controlo da temperatura do corpo.

Em ambientes frios, os vasos sanguíneos contraem-se e a circulação sanguínea diminui e a pele fica pálida. Em climas mais quentes os vasos sanguíneos expandem-se a pele fica vermelha.

A derme é a reserva de água da pele, que é composta por proteoglicanos que hidratam. A tinta das tatuagens é injetada na derme. As estrias provenientes da gravidez estão também localizadas na derme.

O corpo humano é formado de 70% de água e a pele contém um quarto deste valor. Por isso é muito importante beber água suficiente todos os dias (1,5 a 2 litros) para evitar a desidratação do corpo e da pele.


Hipoderme


Hipoderme - Estrutura da Pele
A hipoderme é constituída por tecido conjuntivo frouzo com células gordas incorporadas. É a reserva de energia da pele.

A gordura subcuticular atua como isolador térmico e protege contra a pressão e choques. O número de células gordas, que são a espessura do tecido adiposo, varia nas diferentes partes do corpo. O número de células gordas pode ter causas hereditárias, mas a dieta desempenha também um papel importante.

A hipoderme regula a temperatura do corpo.

A estrutura da nossa pele é também formada na hipoderme. As "colinas e vales" do tecido subcutâneo dão à nossa pele uma aparência característica com linhas finas e cavidades, por exemplo, a celulite nas ancas, nádegas, etc.

Fonte: oriflame.pt

Sem comentários